Explore suas possibilidades! Conheça opções acessíveis de mestrado e doutorado fora do país. 

Atualmente, muitos jovens brasileiros têm buscado novas oportunidades de crescimento estudando fora do país, seja por uma realização pessoal ou profissional.  Mestrados e doutorados fora do país são cada vez mais comuns e cada dia mais acessíveis a todos. 

Mas, como funciona o processo de mestrado e doutorado fora do país?

A grande diferença entre um mestrado ou doutorado fora do país é a preocupação na formação de pensadores e pesquisadores, focados nas teorias e em trilhar uma vida acadêmica. No Brasil, por sua vez, é muito comum que os mestrados busquem apenas formar mão de obra qualificada para o mercado.

 Mas, é possível sim explorar novas possibilidades viajando e estudando mundo afora. Quando falamos em é estudar fora do país, os destinos mais procurados pelos brasileiros são Canadá, Estados Unidos e Inglaterra, de acordo com a Associação Brasileira de Organizadores de Viagens Internacionais e Culturais (Belta). 

Apesar dos EUA ser um forte lugar, pelo “sonho americano” seu alto custo pode ser complicado. Sendo assim, a Europa ser uma opção tão interessante. Além de excelentes universidades, há pelo menos 8 países em que é possível estudar de graça ou a preços bem acessíveis. Legal, né? 

É possível estudar de graça ou com preços acessíveis?  

A Alemanha é um lugar fascinante na Europa, onde você pode optar cursos de mestrado separados (aqueles que não acontecem no ano final de um programa de graduação) via de regra são cobrados na Alemanha. No entanto, eles acabam sendo mais baratos do que em outros países europeus. Por exemplo, alguns programas de PhD na Alemanha costumam ser gratuitos, confira aqui mais informações sobre.

Já na Áustria, por exemplo, para alunos estrangeiros, as universidades públicas ou federais da Áustria cobram apenas cerca de 360 a 720 euros por semestre de tuition fees, isso tudo segundo o Study in Austria. Ou seja, é importante lembrar que existem diversas oportunidades de isenção ou de reembolso para essas taxas.

No caso da Noruega, de acordo com o Study In Norway, universidades e faculdades estatais da Noruega via de regra não cobram tuition fees dos alunos, incluindo estudantes estrangeiros. Sendo assim, isso se aplica a todos os níveis, incluindo graduação, mestrado e doutorado. Muito legal, né? Você sabia dessa oportunidade? Nesse caso, os estudantes devem contribuir com uma taxa de 300 a 600 coroas norueguesas por semestre. O que vale muito a pena dependendo do seu objetivo!

Como traduzir minha documentação para estudar fora?

Antes de pensar em estudar fora, seja para fazer mestrado ou doutorado é importante lembrar que os documentos mais pedidos em outros países para intercâmbio são: histórico escolar até o momento da inscrição no processo seletivo, certificados relevantes para o curso ou trabalho a ser realizado, diploma e currículo.

Existem outros documentos que podem precisar de tradução juramentada em casos específicos são as certidões (de nascimento, casamento e óbito), diplomas, carteira de identidade, trabalho e habilitação.

Nós aqui no Flash Traduções contamos com uma equipe de tradutores profissionais com experiência em tradução juramentada, preparados para traduzir o seu documento com qualidade e confiança. Pensando em estudar fora do país? 

Entre em contato AGORA  para fazer um orçamento da tradução dos seus documentos, sem

compromisso: vendas@flashtraducoes.com.br